quarta-feira, 28 de julho de 2010

Vespaa no Cardo


Cada um Tem a Cama que Merece!

3 comentários:

Ava disse...

Nem todos....

Beijos.

epee disse...

Confesso que custa-me diferenciar uma abelha de uma vespa, mesmo que tenha sido nomeada de abelha [Abelha no Cardo.II], mas salvo engano, a 'rainha' da [foto]grafia é [mesmo] uma vespa, como o título a define.

Não importa.

O campo desfocado, a luz natural, as cores bem definidas e o primeiro plano da imagem, impecável em seus detalhes, não muda a qualidade da fotografia, mesmo que exista uma lacuna quanto a sua classificação. Vespas e abelhas costumam se confundir.

O mesmo não ocorre com a 'Imagem-Di'. A linguagem é pessoal e muitas vezes 'transferível', na possibilidade da reflexão que se faz urgente à apresentação da foto- poesia. A arte DiVersa não passa desapercebida. Ela existe, tem forma, cor e conteúdo. É verdadeira e natural.

Neste monólogo [sem fim], 'Vespaa no Cardo', é abrigo certo aos merecedores. À ideia, formam-se seus significados, que não a resume e nasce então a 'foto-finalidade'! Como depoimento de vida, DiVerso.




!!@

© Piedade Araújo Sol disse...

só uma palavra:

Espectacular.

beij